quinta-feira, 21 de julho de 2011

Critérios para organização e seleção de conteúdo no Ensino Religioso

1.   Caracterização geral do ensino religioso
         Hoje, o fenômeno religioso é a busca do Ser frente à ameaça do Não-ser. Basicamente a humanidade ensaiou quatro respostas possíveis com norteadores do sentido da vida além morte:
         A Ressurreição
         A Reencarnação
         O Ancestral
         O Nada
         Cada uma dessas respostas organiza-se num sistema de pensamento próprio, obedecendo a uma estrutura comum. E é dessa estrutura comum que são retirados os critérios para organização e seleção dos conteúdos e objetivos do Ensino Religioso. Assim, na pluralidade da Escola brasileira, esses critérios para os blocos de conteúdos são:
                   Culturas e Religiões
                   Escrituras Sagradas
                   Teologias
                   Ritos
                   Ethos

2. Eixos organizadores do conteúdo


2.1- Culturas e Tradições Religiosas
- Conteúdos estabelecidos a partir de:
a. filosofia da tradição religiosa: a idéia do transcendente, na visão tradicional e atual:
b. história e tradição religiosa: a evolução da estrutura religiosa nas organizações humanas no decorrer dos tempos;
c. sociologia e tradição religiosa: a função política das ideologias religiosas;
d. psicologia e tradição religiosa: as determinações da tradição religiosa na construção mental do inconsciente pessoal e coletivo.

2.2- Escrituras Sagradas e/ou Tradições Orais
- Conteúdos estabelecidos a partir de:
a. revelação: a autoridade do discurso religioso fundamentada na experiência mística do emissor que a transmite como verdade do Transcendente para o povo;
b. história das narrativas sagradas: o conhecimento dos acontecimentos religiosos que originaram os mitos e segredos sagrados e a formação dos textos;
c. contexto cultural: a descrição do contexto sócio-político-religioso determinante na redação final dos textos sagrados;
d. exegese: a análise e a hermenêutica atualizada dos textos sagrados.

2.3 – Teologias
- conteúdos estabelecidos a partir de:
a. divindades: a descrição das representações do Transcendente nas tradições religiosas;
b. verdades de fé: o conjunto de mitos, crenças e doutrinas que orientam a vida do fiel em cada tradição religiosa;
c. vida além morte: as possíveis respostas norteadoras do sentido da vida: a ressurreição, a reencarnação, a ancestralidade e o nada.

2.4 – Ritos
- conteúdos estabelecidos a partir de:
a. rituais: a escrição de práticas religiosas significantes, elaboradas pelos diferentes grupos religiosos:
b. símbolos: a identificação dos símbolos mais importantes de cada tradição religiosa, comparando seu(s) significado(s);
c. espiritualidades: o estudo dos métodos utilizados pelas diferentes tradições religiosas no relacionamento com o Transcendente, consigo mesmo, com os outros e o mundo.

2.5 – Ethos
- conteúdos estabelecidos a partir de:
a. alteridade: as orientações para o relacionamento com o outro, permeado por valores;
b. valores: o conhecimento do conjunto de normas e cada tradição religiosa apresentado para os fiéis no contexto da respectiva cultura;
c. limites: a fundamentação dos limites éticos propostos pelas várias tradições religiosas.

Bloco de conteúdos nos Ciclos:
ciclo
ciclo
ciclo
ciclo
Ritos – símbolos
Escrituras Sagradas – história das narrativas sagradas
Culturas e Tradições Religiosas – filosofia da tradição religiosa, história e tradição religiosa, sociologia e tradição religiosa
Teologias – verdades de fé, vida além morte.
Ethos - alteridade
Ritos - rituais
Escrituras Sagradas – revelação, contexto culturas, exegese.
Ritos - espiritualidades
Culturas e Tradições Religiosas – filosofia da tradição religiosa
Teologias - divindades

Cultura e Tradições Religiosas – psicologia e tradição religiosa



Ethos – valores, limites

Fonte: PCN Ensino Religioso

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Transcendência

A palavra transcendência estabelece, em sua característica primeira, a superioridade do criador em relação à criatura.
            Dessa forma, a linguagem da experiência religiosa implica reconhecer que os sujeitos carecem de transcender o que está posto no mundo. A transcendência marca a possibilidade de abertura para a existência de um ser superior independente da cultura na qual se insere. A transcendência nos sujeitos é percebida a partir do reconhecimento do limite do ser humano diante de explicações racionais, um dos aspectos misteriosos da própria existência humana.
            A experiência religiosa conduz os sujeitos a reconhecer a existência de um ser transcendente (Deus, ser supremo, uma inteligência superior, energia, etc.). A manifestação este transcendente torna-se possível mediante ma experiência comunicável, sejam através de gestos, testemunhos, conversas, ritos, num movimento permanente dos seres no mundo. Essa manifestação no mundo da cultura apresenta-se de formas diferenciadas, uma vez que os sujeitos são iguais apenas no que se refere à espécie. Por outro lado, a experiência do transcendente ou a sua manifestação leva-nos a interiorizar valores que nos são legados pela experiência histórica da humanidade e pelas instituições portadoras desses valores: a família, a escola, a religião, entre outras.
(Trecho do texto Experiência religiosa de Amauri Carlos Ferreira – Diálogo)

Sugestão Atividade:
Sugestão textos:

terça-feira, 5 de julho de 2011

Vida e Morte nas tradições religiosas

A morte é, sem dúvida, o principal problema da vida.
O núcleo universal, temático e constitutivo de toda religião é a preocupação com a morte. Nas suas formas religiosas babilônicas, egípcias, gregas, judaico-cristãs, budistas e outras, a relação vida-morte é representada de diversas maneiras. Alguns casos como uma metamorfose, transmigração da alma, de uma vida à outra. 
Em outros, a morte é a porta do paraíso ou do inferno da vida espiritual na eternidade.
Em geral, o simbolismo da morte representa o processo da vida como uma viagem de grande valor iniciático em busca de si mesmo.
(A morte e suas representações – Juan Droguett – Diálogo, revista de ensino religioso)

*Sugestão de vídeo e aula que podem ser utilizado:
Vídeo A morte da série Ecce Homo da TV Escola
.........

domingo, 3 de julho de 2011

Islamismo

Quero dividir com vocês essa apresentação compacta e completa  que encontrei no slideshare, elaborada pelos alunos Ângelo Ribeiro e Rosária Santos - 7ªB e postado pelo Profº Manuel Pereira Gonçalves.
O Islamismo

View more presentations from Manuel Pereira Gonçalves

Sugestões de textos:
http://www.brasilescola.com/religiao/islamismo.htm
http://www.sepoangol.org/islam.htm
http://www.suapesquisa.com/islamismo/
http://www.casadobruxo.com.br/religa/islamismo.htm

Atividade:
- Após estudo da apresentação preencher o mapa conceitual na sala e informática no programa Cmap Tools. http://cmap.ihmc.us/download/.







Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...